Thursday, March 23, 2006

Rio Ave - Benfica: curta metragem de aventura

Março é mês de levar cartões vermelhos por faltas a jogos (Vila do Conde foi o primeiro amarelo e levo o segundo já no sábado).
Não tivessem os meus progenitores a ousadia de fazerem anos com uma semana de separação, a minha Mãe conseguiu comprar o bilhete de comboio que eu disse expressamente para não comprar: o que apanhava o jogo. Boa, Mãe. É por isso que eu te digo (às vezes e na brincadeira.... (ou não) ) que ainda tens muito a percorrer até às camisolas berrantes (se bem que passaste a evitar o restaurante no qual o Benfica perde sempre só por minha causa e isso dá-te pontos.).
Pronto, lá fui eu. Nem estádio nem TV. E para cúmulo, nem rádio. Solução final: mensagens. 0-0 ao intervalo e siga para bingo.
Numa estação até Lisboa entra um rapaz (20 e poucos), com ar militar e senta-se ao meu lado. "Quanto é que está?" "Estamos empatados e só falhamos golos." Ok, estamos apresentados, somos os dois do Benfica. Eu finjo que estudo e ele vai-me informando do relato.
Nisto, uma lagarta à nossa frente (a minha única descrição é que tinha cabelo preto, porque estava de costas para nós) começa a telefonar recorrentemente ao namorado a perguntar "Como é que estão os cabrões dos lampiões?". Eu e o outro começamos a falar alto, com "OS CAMPEÕES ESTÃO EMPATADOS!" e "OS GAJOS DA FINAL DA UEFA É SÓ MAIS LOGO, NÃO É?" (o gajo era um bocadinho menos controlado do que eu e quando eu mandei a boca da UEFA ele repetiu-a 150mil vezes).
A curta metragem acaba com o golo do Mantorras, nós os dois a gritar "TOMA!" praticamente em cima dela e depois este brilhante comentário do meu companheiro de viagem:
"Só me apetece dar-lhe um calduço!"

Com o Braga vou ver se ando na rua para me acontecer outra destas.
Eu devia era ir ao estádio, mas daqui a uns anos não era bonito ver os meus irmãos a ficarem com a casa só para eles só porque eu gosto do meu clube e tenho dificuldades em escrever quando não vou à bola.

8 Comments:

Blogger zé carlos said...

Não gostei dessa da equipa da final da Uefa. Tens que te começar a conter (LOL).
Boa crónica em acontecimentos férteis num lampião porreiro como tu :) Um abraço.

9:21 AM  
Anonymous Makelele said...

Amigo Zé Carlos, quem vai á guerra, dá e leva...
Mais uma história para mais tarde recordar...

12:45 PM  
Anonymous Anonymous said...

No minimo original!

1:37 PM  
Anonymous hugo NN said...

e até que era um calduço bem dado...gritarei por 2 no próximo sábado...e os parabéns para os teus pais...

2:55 AM  
Blogger BENFICA1904 said...

Que não seja por isso, lá em casa há uma cama a mais :)

Aquele abraço!

3:00 AM  
Blogger dR F. said...

Que cena mais gay oh Benfica 1904...lol

3:12 AM  
Anonymous lady_in_red said...

pa adoro as tuas cronicas :D sao simplesmente demais!! eu vivo tb muito pelo benfica e adoro vir aki ler sempre as palavras que tens p dizer :) continua assim! beijinho

6:02 AM  
Anonymous hugo NN said...

para quando a crónica desse fantástico BENFICA - barcelona???!!!

fomos capaz de criar uma atmosfera unica...inigualável...eles jogam todos em grandes clubes,grandes palcos mas ficam todos de boca aberta quando entram na Luz...desde o voo da Vitória até á euforia e paixão das bancadas tudo serve para demonstrar o amor ao nosso clube!!!
manda lá vir a crónica...

1:58 AM  

Post a Comment

<< Home